sábado, 30 de maio de 2009

UM "SE" QUE FAZ TODA A DIFERENÇA EM POLÍTICA!

Num ano em que se realizam as eleições para os diferentes orgãos, urge colocar a seguinte questão: "O que é a Política hoje?" Terá como resposta a definição romântica de ser a "arte de servir" ou deverá acrescentar-se o pronome "se", "A arte de se servir"? Marcelo Rebelo de Sousa, numa conferência em Tondela, apontava para este facto de que quem abraçar a política com base na primeira definição, grande parte das vezes, sairá da mesma com os mesmos ou até menos bens materiais. Quem considerar a segunda, constata-se que sai-se da política cada vez mais rico. Qual a que está em vigor nos nossos dias?